Follow by Email

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Os Olhos de Vitché


 Vamos conhecer um pouco sobre o artista plástico e grafiteiro Vitché? Esse paulistano do Cambuci (bairro da cidade de São Paulo), começou desde muito cedo suas intervenções. Vitché tem como marca registrada de seus trabalhos os olhos grandes e o mundo do circo, de uma maneira lúdica e única. Abusando do vermelho, preto e branco. Será que ele torce para o Flamengo? Dúvidas a parte, o artista é um dos principais precursores do graffiti no Brasil. Da mesma "escola" dos grafiteiros "Os Gêmeos", Vitché já ilustrou paredes de várias cidades brasileiras, e até do mundo. Tem obras nos Estados Unidos, países da Europa como em Paris, na fundação Cartier e na América Latina. A apresentação do artista foi feita, agora vamos conferir alguns trabalhos deste paulistano, e acima de tudo, brasileiro. Vitché, Parabéns pelos seus trabalhos e por divulgar o grafiti no Brasil e no mundo.











sábado, 19 de novembro de 2011

Tel Aviv - Graffiti


Depois de duas semanas bem corridas, volto a postar no blog. Logo abaixo tem a foto enviada pela nossa colega de Israel, a Olga. Olha só o grafite que o artista fez nas ruas da cidade de Tel Aviv. Demais né? Se você tem foto de algum grafite, envie. Garanto a publicação. Ajude o blog.

Na próxima postagem comento sobre um ótimo grafiteiro paulistano.

by Olga

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Projeto Picasso não Pichava - Brasília

 

O Programa Picasso Não Pichava foi criado em 1999 e já atendeu 20 mil alunos em suas unidades e em palestras realizadas em diversas instituições do Distrito Federal, como escolas públicas e particulares, shoppings, Ministério Público, entre outros, sempre com o patrocínio do Banco de Brasília – BRB.

Essa iniciativa da Secretaria de Estado de Segurança Pública de Brasília tem por objetivo prevenir a criminalidade infanto-juvenil, uma vez que desde 2001, o Programa passou a, além de combater a pichação, atuar de forma preventiva em outras modalidades criminosas e vício em drogas. Apesar do projeto estar um pouco esquecido e dos professores receberem o salário com atrasos, as vagas para participar  do Picasso Não Pichava são bem disputadas.

Confira alguns grafitis da galera do projeto.









terça-feira, 25 de outubro de 2011

Designers do Ooo My Design fazem luminárias diferentes


Como o blog não é especializado apenas em grafiti (apesar dos últimos posts abordar sobre grafiti), a publicação de hoje vai para os apreciadores do design.

Quem lembra das fitas cassete? Essas fitas que foram sensação nos anos 80 e início dos 90 agora perderam espaço para a digitalização da música. Agora tocadas em aparelhos de mp3. Os designers espanhóis do estúdio OOO My Design saudosistas com os cassetes, tiveram a brilhante idéia de usar as fitas como objeto de decoração, e fizeram uma luminária. Além de ser cool é ecologicamente correto. Para quem quiser adquirir esse e outros produtos do grupo OOO My Design é só acessar o site dos caras, detalhe, os preços estão em euros!  Gostou? Compartilhe na sua página do Facebook, Twitter e Google+.

OOO My Design

OOO My Design

OOO My Design

OOO My Design

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Designer e Grafiteira Taylor Reeve reinventa as solas dos sapatos


Christian Louboutin foi o artista estilista que teve a brilhante idéia de dar "vida" as solas de sapato. Marca registrada em seus trabalhos é a cor vermelho sangue, em todas as suas criações. De carona nesta idéia, a norte-americana Taylor Reeve, de San Diego, na Califórnia além de ser designer também grafita, com isso ela teve a ideia de unir suas paixões e criou uma linha de sapatos com as solas grafitadas. Os desenhos trazem influência da cultura de rua e do pop art. Calma mulheres! Os sapatos são vendidos para o mundo todo na loja online da artista.  http://www.etsy.com/shop/taylorsays

Caveiras, oncinhas, personagens de desenho animado e zumbis volta e meia dão as cara em suas criações. Confira algumas logo abaixo. Gostou do post? Compartilhe no Facebook, Twitter ou Google+.

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

Katy and Perry - by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve

by Taylor Reeve  

by Taylor Reeve



quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Pablo Delgado Artist the king of miniature


Andando pelas movimentadas ruas de Londres você nem percebe a quantidade de arte urbana presente na capital inglesa. Uma cidade que respira arte por todos os lados, seja nas pontes, nas estátuas centenárias, os edifícios da região de Bank, museus e galerias de arte. Se não bastasse isso ainda temos os artistas de rua de todas as vertentes mostrando sua arte em locais públicos. É o caso do artista mexicano Pablo Delgado, que popularizou a arte dos minigrafites. É incrível como o cara faz grafites super pequenos com riqueza de detalhes. Os minigrafites são marca registrada do artista mexicano radicado em Londres. Quando for a capital britânica visite os alternativos bairros de Shoredicth, Hoxton e Brick Lane. Onde estão grande parte dos minigrafites de Pablo Delgado. Ao invés de olhar apenas ao redor e para frente, lembre-se de olhar para baixo, com certeza não irá se arrepender.

A quantidade de obras do amigo Pablo é tão grande e diversificada, que em breve vamos postar novamente sobre o cara. Parabéns para o artista e para a cidade, que aprova e ajuda a disseminar o street art. Confira algumas fotos dos grafitis de Pablo Delgado.


by Pablo Delgado

by Pablo Delgado

by Pablo Delgado

by Pablo Delgado

by Pablo Delgado

by Pablo Delgado

by Pablo Delgado

by Pablo Delgado


terça-feira, 4 de outubro de 2011

Banksy ataca em Candem - TOX

 Um dos últimos grafitis que Banksy fez até o momento foi em Canden Town, norte de Londres, bairro descolado da capital inglesa onde encontra-se pubs que só toca metal, punks, harekrishinas e muita gente ousada sem se preocupar com o que os outros estão pensando do seu visual. Este foi o lugar escolhido pelo grafiteiro britânico Banksy para expor mais uma de suas obras. Aliás, Camden é cenários de vários grafitis do cara. Não confundam Camden com Canim, outro bairro de Londres e que não tem nada a ver com Camden.

  Veja o grafiti do mestre do street art feito agora em julho, no verão europeu.



photo: artofthestate.co.uk 2011s

artofthestate.co.uk

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Grafite nos tapumes do Estádio Nacional




Parabéns para o governo de Brasília e para a Secretaria de Juventude de Brasília. Vamos incentivar mais o grafite, uma ótima opção de inclusão social.



da Agência Brasil
Cem grafiteiros de cidades do Distrito Federal iniciaram no dia 15 de setembro a colorir quase 2 quilômetros de tapumes em volta das obras do Estádio Nacional de Brasília, que sediará jogos da Copa do Mundo de 2014. A atividade marca a contagem regressiva dos mil dias até o Mundial. Cada grupo de grafiteiros terá 50 metros para retratar as impressões sobre o evento esportivo, a história da capital federal e o universo do futebol, com o tema Brasília e a Copa do Mundo de 2014.

Os desenhos nos tapumes serão transformados em cartões-postais. Segundo o coordenador da Central Única de Favelas (Cufa) do Distrito Federal (DF), Max Maciel, essa é uma oportunidade de os grafiteiros demonstrarem que fazem arte.

Confere aí algumas fotos. Se tiver a oportunidade, visite o local, está muito bonito.